11 2618-9898 [email protected]

A história do bordado inglês

O bordado inglês é uma das formas de decorar tecidos mais antigas e mais conhecidas pela humanidade. O bordado em si é tão antigo que se suspeita que a arte tenha nascido junto com a criação da agulha, 20 mil anos atrás. Essa é a arte de enfeitar os tecidos com fios de diferentes texturas para delinear formatos e desenhos. O trabalho pode ser feito à mão ou com máquina, usando agulhas de diversos tamanhos.

Esta forma de artesanato foi defendida com unhas e dentes por um movimento artístico da Inglaterra do século XIX, chamado “Arts and Crafts”. Tal movimento era uma alternativa na contramão da Revolução Industrial e a consequente mecanização e produção em massa de peças, que afastavam o consumidor do artesão, tirando as características individuais e únicas dos tecidos produzidos por eles.

Após a mecanização dos bordados e a possibilidade de reprodução, alguns tipos caíram em desuso. Assim, abriram espaço novamente aos bordados manuais, principalmente os feitos em branco e em tecido de alta qualidade, que se tornou símbolo de alto nível social. Daí valorizou-se o que conhecemos hoje como o bordado inglês: tecidos (na maior parte, algodão) com alinhamentos finos formando desenhos, utilizados comumente para decorar peças de cama, mesa e banho, além de trajes infantis.

Mas não se engane: o bordado dito inglês surgiu na Ilha da Madeira, em Portugal, e apenas ganhou popularidade na Inglaterra. Esta técnica permaneceu popular até a década de 1950, quando o uso de peças bordadas em branco sobre branco eram bastante utilizadas em enxovais de casamento e de bebês. Nesta época também surgiu a técnica de passa-fio, utilizando fitas de cetim para decorar tecidos que já tinham sido bordados.

O que é o bordado inglês

O bordado inglês é uma mistura das técnicas conhecidas como “de recorte” e “cheio”. O bordado de recorte é aquele em que você recorta o tecido e a borda para evitar que desfie. Já o bordado cheio (também chamado de ponto real) é o que utiliza um ponto horizontal para envolver o tecido em ambos os lados, criando um relevo. O bordado inglês envolve as bordas recortadas de um desenho, formando um pequeno relevo e dando um tom delicado à peça.

Uma dica da Oeste é o bordado inglês com passa fita. Fica uma graça em toalhas, fronhas e muito mais! Você encontra o bordado inglês, fitas, agulhas e tudo mais que precisar na nossa loja. Venha pintar e bordar com nossos artigos de armarinho!